Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  • URLs para as referências foram informadas quando possível.
  • O texto segue o template disponível no site da revista Thésis:
    https://thesis.anparq.org.br/revista-thesis/libraryFiles/downloadPublic/2
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.
  • Em caso de submissão a uma seção com avaliação pelos pares (ex.: artigos), as instruções disponíveis em Assegurando a avaliação pelos pares cega foram seguidas.

Diretrizes para Autores

A comissão editorial já revisou as normas de submissão de maneira a permitir uma atualização da chamada de trabalhos, pondo-a em consonância com o padrão de periódicos de elevados extratos de indexação como também das versões mais recentes da plataforma OJS 3+. Desta maneira, descrevem-se as regras abaixo:   

A revista Thésis conta com um sistema de submissão de artigos online via plataforma OJS. A submissão de artigos é de fluxo contínuo e de temática livre, sempre tendo em conta a política e a linha editorial da revista. As contribuições serão recebidas para as seções Artigos e Recensão e serão submetidas para avaliação do corpo de pareceristas Ad-Hoc da revista. As proposições devem observar:

a) os artigos submetidos devem ser inéditos;

b) os idiomas aceitos para publicação são o português, o espanhol e o inglês, sendo necessário que o autor envie como indicado no template o título, resumo e palavras chavez nos três idiomas, independente do idioma do texto original;

c) caso o artigo tenha seja aceito para publicação, o autor ficará encarregado da sua tradução para o inglês (no caso de artigos já submetidos em inglês o autor poderá escolher entre português ou espanhol);

d) as resenhas (Recensão) deverão conter até 6 laudas e os artigos (Ensaios) até 10;

e) as imagens, caso haja, devem ser livres de direitos autorais, ou ter a permissão por escrito de publicação do detentor dos direitos;

f) os artigos devem seguir estritamente o template disponibilizado na página eletrônica da revista.

g) os artigos devem ter entre seus autores ao menos um doutor totalizando um máximo de 3 autores.

Os artigos que não cumprirem algum dos requisitos acima serão desconsiderados e não serão avaliados.

Ensaios

[Ensaios] é aberta à submissão de textos de natureza científica com temáticas diversas (de 4 a 8 por número), por autores interessados na macroárea de A&U.

A revista recebe, nesta seção, artigos nos idiomas português, inglês e espanhol, escritos por pesquisadores com titulação mínima de graduação, desde que sempre em coautoria com um doutor. Os artigos redigidos em português terão a tradução para o inglês a cargo dos autores. Caso os artigos submetidos sejam em qualquer outro idioma, a tradução para o português ou espanhol é facultada, e torna-se responsabilidade dos autores.

Os artigos submetidos deverão atestar que foram apresentados exclusivamente para a Thésis.

Passagens

[Passagens] é destinada à publicação de conteúdos e formatos caros ao campo da A&U vinculados às reflexões gráficas e artísticas. Neste biênio, a seção passagens estará em diálogo íntimo com a seção Arquivo, e para tanto, a convite da comissão editorial, contará com dois curadores: a) Prof. Dr. Mateus Rosada (EA – UFMG) – que cuidará das edições em que figurarão as traduções de Manfredo Tafuri e Quatremère de Quincy; b) Artur Simões Rozestraten (FAU -USP), em que estarão publicadas as traduções de Kenneth Frampton, tradução feita por Prof. Dr. Marcos Fávero (PPGArq - PUC-RIO); e d) Arquitetura Líquida, de Ignasi Solà-Morales, tradução Prof. Dr. Lais Bronstein (PROARQ - UFRJ).

Arquivo

[Arquivo] é composta por textos fundamentais nunca publicados em português (1 por número). Esta seção é organizada por meio de convites de maneira a garantir a pluralidade temporal e a relevância temática compatível com o número em produção.

Para o biênio, a seção contará com quatro traduções, a saber: a) Dignidade do Átimo, de Manfredo Tafuri, tradução feita pelo Prof. Dr. Rafael Urano de Carvalho Frajndlich (PPGAU - FEC-UNICAMP); b) Verbetes Copiar, Imitação e Invenção, extraídos do Dictionnaire Historique d'Architecture (1832) de Quatrmère de Quincy, com tradução feita pela Profa. Dra. Renata Baesso Pereira (PPG UrbArq – FAU - PUCC); c) Introdução: reflexões sobre o campo da aplicação da tectônica , de Kenneth Frampton, tradução feita por Prof. Dr. Marcos Fávero (PPGArq - PUC-RIO); e d) Arquitetura Líquida, de Ignasi Solà-Morales, tradução Prof. Dr. Lais Bronstein (PROARQ - UFRJ).

Recensão

[Recensão] é destinada à publicação de resenhas de livros ou teses. Neste biênio, teremos sempre uma resenha publicada a partir de convite da Comissão Editorial, e até outras duas, de livre submissão, específicas de livros lançados nos últimos dois anos.

As resenhas elaboradas por autores convidados versarão sobre as teses que receberam o prêmio CAPES de teses na área de A&U, e os prêmios ANPARQ de teses e de livros autorais.  

As resenhas devem ser inéditas e não ter sido publicadas em outro periódico.

Neste biênio, teremos, nos dois primeiros números, as publicações de: a) Resenha da Profa. Dra. Clarissa Freitas Sampaio (UFC), da Menção Honrosa no Prêmio CAPES de Tese, de 2019, da tese "Urbanismo smart e a política da visibilidade digital: mapeando informalidade na cidade do Rio de Janeiro" (2008-2016), PROURB-UFRJ, de autoria de Flávia Neves Maia e orientação da  Profa. Dra. Rachel Coutinho; b) Resenha do Prof. Dr. Otávio Leonídio (PUC-RIO), da Menção Honrosa Prêmio CAPES de Tese, em 2019, "A Casa da Música e a Cidade das Artes: Por uma monumentalidade", de autoria de Guilherme Essvein de Almeida e orientação do  Prof. Dr. Carlos Eduardo Dias Comas, no PROARQ (UFRGS).

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.